— Tolisses

Coisas do Ulisses Mattos

Archive
Tag "Falcon"

Acompanhar a vida íntima de um casal famoso é realmente um dos maiores passatempos da humanidade. Bom, pelo menos da humanidade que está alugando o planeta atualmente. Esse hábito é tão forte que se estende a casais como Barbie e Ken. Sim, bonecos. Esse interesse pela vida do casal pode render até protestos bem bolados, como o da ONG ecológica Greenpeace, que acusou a fabricante dos bonecos de cometer danos à natureza. O rompimento entre eles foi o mote da campanha, em junho de 2011.

 

 

Mas apostar no rompimento do casalzinho de plástico não um pioneirismo do Greenpeace. A Pixar/Disney também usou essa situação para criar uma das subtramas de um de suas melhores animações. Em “Toy Story 3”, de 2010, Barbie e Ken aparecem em cenas de confronto.

 

 

Curiosamente, antes do Greenpeace e da Disney, já se apostou na separação do casal com objetivos para lá de questionáveis. O amor desses dois pombinhos foi massacrado por motivos meramente comerciais. E o arquiteto desse rompimento foi justamente a Mattel. Sim, o fabricante dos bonequinhos. Essa barbárie, sem o perdão do trocadilho, foi perpetrada em 2004. A empresa emitiu um sério comunicado oficial dizendo que o casal, que estava junto há 43 anos, decidiu dar um tempo na relação. Na falta de reportagens falando sobre o motivo da separação, foi inevitável fazer especulações.

Um dos primeiros boatos a surgir foi o de que Barbie na verdade nunca foi muito a fim de Ken. Quem realmente virava a cabeça da boneca era o Falcon. Décadas atrás, muitas Barbies de irmãs desatenciosas foram vistas na cama do Falcon de algum moleque, depois de uma árdua batalha contra o Torak. Há quem diga que os bonequinhos Comandos-em-Ação eram filhos bastardos do caso secreto, que não podia vir à tona por causa dos compromissos marqueteiros de Barbie e Ken. A boneca então estaria livre para tirar suas roupinhas caras para o velho herói de guerra.

Mas já teve gente dizendo que Falcon na verdade nunca tocou em Barbie, pois era gay. Só porque o boneco virava os olhinhos e usava uma barba meio Village People. Besteira. Falcon foi o modelo de masculinidade de toda uma geração. Quantos garotos não quiseram ter uma cicatriz no rosto, como ele? E se levantaram dúvidas sobre o destemido guerreiro, não foi surpresa quando jogaram a culpa do fim do romance entre Barbie e Ken na suposta falta de interesses do rapaz. Segundo muitos, Ken também era boneca. Ele só freqüentava a casa de Barbie para admirar suas lindas roupas. Dizem as más línguas que Ken vive no armário da Barbie.

Para dar um fim nesses boatos, esperava-se que empresários logo pusessem Ken aparecendo estrategicamente ao lado de Susi, a rival menos abastada de Barbie. Mas o bonecão ficou de lado até mesmo pela indústria de fofocas, que preferiu falar do novo amor de Barbie: Blaine, um surfista australiano. O brinquedo logo ganhou o coração das consumidoras e teve boa saída das prateleiras por alguns meses. Dois anos depois, o boneco bronzeado sumiu e Ken voltou a circular ao lado de Barbie, sem comentar o golpe publicitário que mexeu com sua imagem. Mas toda vez que algo acontece com Barbie, como mostra o vídeo abaixo, há quem pense em Ken como mandante.

 

Texto original publicado em fevereiro de 2004, na revista Domingo, do Jornal do Brasil.