— Tolisses

Coisas do Ulisses Mattos

Quem precisa de mais verdades?

Taí o último dos três episódios da série que bolei pra Alta Cúpula, com Erik Gustavo manipulando e dando voz ao fantoche Pupo, costurado por Nigel Goodman.

Depois das reações ao primeiro episódio, pensei em parar nesses três, que gravamos de uma só vez. Os motivos estão melhor explicados no post sobre o segundo episódio que foi ao ar. Mas a recepção foi melhor no segundo episódio e eu fiquei mais reticente em cessar a produção. Agora, com o lançamento do terceiro episódio, me surpreendi com os comentários. Foram mais positivos.

Talvez o pessoal que foi contra a série tenha cansado de reclamar. Ou então eles se acostumaram com a ideia de ter mais uma série no canal que não fosse estrelada pelo fenômeno Marcelinho. Ou então que gostava um pouquinho acabou se entusiasmando mais com o tema deste terceiro, que foi sexual. Até achei que tocar em pedofilia poderia dar problemas, mas o pessoal entendeu a piada.

Então, já falei com o Erik que fiquei com vontade de escrever mais uma leva de três ou quatro episódios e ele topou dirigir, editar e animar o boneco (“animar o boneco” parece uma gíria sexual, aliás). Vou fazer umas leves alterações na dinâmica da conversa, seguindo dicas dos parceiros Ronald Rios e Nigel. Vamos ver o resultado.

Pupo parte para mais uma temporada. Quem sabe ele vive o bastante para um dia contracenar com Marcelinho. Eu e Erik decidimos que isso só acontecerá se o boneco amarelo um dia tiver um mínimo de reconhecimento do público. Ainda está longe.

0 comments
Enviar comentário